NOTÍCIAS

Uma Sala que podia bem ser sua! - Projeto Remodelação

É sempre agradável ver como as novas tendências de decoração são capazes de transformar espaços e dar-lhe um ar moderno e atual, seja qual for o desafio.

É sempre agradável ver como as novas tendências de decoração são capazes de transformar espaços e dar-lhe um ar moderno e atual, seja qual for o desafio. Os espaços dilatam-se sem derrubar paredes, os móveis e acessórios ganham novas funcionalidades ou as casas ganham simplesmente um ar mais atual, mais na moda. 

Seguir as tendências nem sempre tem a ver com intervenções de fundo nos espaços. Na maior parte das vezes bastam pequenas alterações na cor e na forma dos seus componentes para parecer um local totalmente diferente. Um móvel moderno, uma mistura mais acertada, uma cor mais atual, e temos a casa à nossa medida sem precisar de deixar a conta a descoberto. A elegância tem muito mais a ver com instinto do que com investimento! 

Na sala que este projeto alterou, as mudanças foram simultaneamente profundas, na medida em que ficou praticamente irreconhecível, e superficiais, pois nada se alterou na estrutura da própria casa. Mas seja como for, o resultado que os decoradores profissionais da KELE VOY A HACER conseguiram foi impressionante, e nós adorámos vê-lo! Venha também inspirar-se e comece já a planear algo assim para a sua casa.

 

O “antes” não era mau, mas também não era bom

A decoração anterior não era péssima, mas era pesada e datada, com um ar demasiado formal e escuro. Os móveis eram bastante antiquados e a iluminação não ajudava, em especial devido aos feios candeeiros de teto. No entanto também tinha elementos interessantes, apesar de necessitarem de um tratamento especial. E o olho treinado dos profissionais da decoração não os deixaram passar despercebidos, como veremos adiante. Enfim, era um espaço antiquado que precisava de ganhar um ar de modernidade!

 

Espaços sobrecarregado

Demasiado. Mas demasiado de quê, pergunta o leitor? Demasiado de tudo, cor-de-rosa demais, demasiados acessórios, demasiada ocupação. Tudo em excesso, à exceção da luz!

 

Bem-vindos a casa

A agora? Bem-vindos à vossa velha casa, nova! 

Começamos por um detalhe simples, mas que é sempre vencedor: – letras em madeira com dizeres que sejam importantes para os moradores. Nesta caso a escolha recaiu sobre letras de tamanhos e estilos desiguais com um tratamento a lembrar o rústico displicente, como se estivessem inacabadas, o que transmite de mediato um ar descontraído à decoração.

 

E fez-se Luz!

A composição não lhe é estranha, pois não? E no entanto o espaço está completamente diferente! Os tons de branco e cinzento, tão atuais, imperam no ambiente, tornando instantaneamente mais amplo, luminoso e agradável. É bem conhecido o poder das cores claras de expandir visualmente os espaços…  

Grande parte do mobiliário foi substituída ou removida, pelo que o ambiente parece muito mais arejado e bem maior. Os antigos candeeiros deram lugar a novas luminárias em vime muito claro, que retiram o peso da solenidade e adicionam apenas luz!

 

O toque de modernidade que faltava

Menos móveis, mas os corretos! Além de valorizarem bastante o espaço ainda o tornam mais desimpedido. O estilo não chega bem a ser minimalista, mas é bastante mais despojado e simples do que o anterior, e os acessórios, criteriosamente selecionados pelo seu valor sentimental e estético, não têm demasiado peso nem sobrecarregam.

 

Recuperar é poupar

As otomanas estofadas com um tecido em branco e cinzento, com um ar mais atual e menos riscas de cores pesadas! É como já referimos, decorar não significa gastar fortunas, ou sequer deitar fora todos os componentes da antiga decoração, pois é sempre possível poupar e conseguir itens modernos com apenas uma alteração na cor, como se pode ver neste exemplo. 

O sofá tem um estilo bem parecido com anterior, mas é maior, mais confortável e com uma cor cinzento claro que é tendência atual. E a mesa de centro foi substituída por uma redonda, de linhas mais suaves e leves, que ameniza as linhas direitas de forma harmoniosa.

 

As texturas são fundamentais

As almofadas perderam cor, mas ganham textura e novos materiais mais macios, elementos essenciais para conseguir imprimir calor a um ambiente tão branco.

 

Um pouco de verde para dar frescura

Aqui e além surgem vasos com apontamentos de verde que quebram a monotonia dos tons e imprimem frescura ao espaço.

 

Reconhece?

A escolha do mobiliário nem sempre recaiu sobre elementos modernos de linhas direitas e angulosas, como o móvel da televisão. A maior parte deles tem um ar deliciosamente antiquado, mas moderno ao mesmo tempo, devido ao tratamento químico que faz com que pareça envelhecido sem o estar. 

As cadeiras são as mesmas, mas com uma roupagem nova. Pintadas de branco e estofadas de cinzento, parecem outras! 

 

A composição é fundamental

E porque decorar é encenar ambientes, a composição de determinados conjuntos atua sobre o geral de formas distintas. No caso deste conjunto, a composição não poderia ser mais perfeita, misturando minimalismo e rústico, e imprimindo muito caráter à sala sem ser impositivo ao olhar!

JAN 17 / Imobiliário

Publicada por MACTOWN